Feliz Dia da Terra

Natureza, 2003

Cada borboleta que voa,
Cada flor que desabrocha,
Cada vida que nasce e se despede…
Tudo aquilo é uma beleza,
Um pedacinho da Natureza.

Quando a luz do sol desponta
E um novo dia começa,
Olhar pra isto com carinho
E apaixonar-se por este lugar,
Adorando a vida,
As águas, a terra e o ar.

Cada parte tem seu encanto:
Os peixes a nadar,
Cavalo-marinho,
Tartaruga, golfinho.
E tem a baleia
E o mito sereia,
Lenda do mar.

Nos rios,
Que correm sem parar,
Cachoeiras despejam-se majestosas,
Outros seres completam seus ciclos:
Um peixe-boi,
Um boto-cor-de-rosa.

E alguns também vêm do mar,
Como o salmão e a truta marinha,
Em sua admirável luta
Para procriar.

Há os pássaros no céu,
Que voam em liberdade,
Inventam canções,
Música nos corações,
Cada qual em seu tom.
E como é bom
O seu som na cidade.

Tantos outros animais
Vivem na terra,
Em contato com o verde.
Também merecem ser livres,
E nos fazem felizes,
Porque belos demais.

Se tudo fosse assim,
Uma natureza sem fim,
Ah, que bom seria,
A cada dia
Redescobrir um mundo de cores
E biodiversidade
No país da ecologia.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s